Equipamento necessário para se iniciar na escalada

A escalada é uma atividade desportiva muito exigente, que é capaz de tirar a respiração de todos os praticantes se estes não estiverem bem preparados. Nesse sentido, saiba qual o equipamento necessário para a prática da escalada e dedique-se à conquista dos maiores picos do mundo.

Para que uma escalada nunca fique comprometida, é fundamental que um escalador tenha todo o tipo de equipamento necessário para a prática segura deste fantástico desporto de aventura. Como tal, é obrigatório reunir o material seguinte:

O arnês ou baudrier

Trata-se de uma espécie de cinto muito resistente que amarra o corpo do escalador à corda. É um tipo de acessório que garante a máxima proteção em qualquer tipo de ascensão e também em caso de queda. A sua utilização impede o aparecimento de lesões ou pressões irregulares do corpo e é por isso que deve ser colocado de uma forma justa e uniforme ao corpo.

O capacete de escalada

O capacete de escalada é um dos acessórios mais importantes na prática desta modalidade, pois a sua utilização poderá ser suficiente para salvar a vida de um escalador em caso de queda ou de acidente. A sua utilização nunca deve ser descurada e todos os escaladores devem ter a consciência que o seu uso é uma obrigação.

Os pés de gato

Trata-se de uns ténis específicos que são utilizados na escalada. Estes devem ser firmes e ajustáveis aos pés dos praticantes para que seja possível uma maior aderência e progressão na escalada. Ao ascender a uma determinada superfície é fundamental que os pés estejam bem assentes no chão e com umas botas ou ténis normais não se conseguiria escalar corretamente. Alguns percursos de baixa aderência, como por exemplo os de granito, são quase impossíveis de se fazer sem os pés de gato. É de realçar que os escaladores utilizam os pés de gato pelo menos dois números abaixo do número do calçado normal e isso permite que tenham uma maior sensibilidade do local onde colocam os seus pés.

O saco de magnésio e o magnésio

Estes dois acessórios são muito importantes numa escalada e podem determinar o sucesso de uma ascensão. Com o calor e o transpirar das mãos, estas tornam-se escorregadias, fazendo com que o recurso ao magnésio seja a melhor forma de diminuir a humidade, sem efetuar qualquer tipo de paragem. Por outro lado, a utilização do magnésio facilita o apoiar das mãos e o amarrar de um determinado objeto, o que possibilita uma elevação do corpo mais fácil. O saco de magnésio, como o próprio nome indica, é o local onde se encontra o magnésio e deve ser colocado num local de fácil acesso, de preferência na cintura do escalador.

O mosquetão

É uma peça metálica em forma de aro com um troço de abertura em mola para a fixação e fecho. Um mosquetão de segurança tem sempre um dispositivo roscado que impede que o próprio mosquetão se abra inadvertidamente.

As cordas dinâmicas

A corda é o principal elemento de segurança na escalada e serve para, em conjunto com o baudrier, travar uma eventual queda do escalador e impedir que o corpo não sofra esticões que provoquem lesões na coluna. Atualmente, as cordas são fabricadas com fibras sintéticas que permitem uma maior resistência e uma maior facilidade de execução de nós, em contraste com as cordas de cânhamo antigas que eram usadas no início do montanhismo. Em escalada deve-se utilizar sempre cordas dinâmicas pois absorvem melhor o impacto da queda. Na compra de uma corda dinâmica, deve verificar sempre se esta é homologada pela Federação Internacional de Montanhismo e Escalada (UIAA).

As fitas e cordeletes

As fitas e cordeletes são indicadores que são utilizados para estabelecer pontos de segurança à medida que o escalador ascende uma determinada superfície (assegurando pontos seguros a várias alturas, evitando assim as quedas).

O oito ou ATC

É uma peça metálica com o formato de um oito que é utilizado para fazer rapel e dar segurança. A utilização deste dispositivo serve para provocar atrito na corda e, para ser utilizado corretamente, são necessárias muitas horas de treino e de prática.

A fita express

É uma fita com cerca de 10 a 20 centímetros feita de um material muito resistente à tração e apresenta mosquetões nas pontas. Uma das extremidades da fita express é presa à rocha e na outra ponta pendura-se a corda à qual o escalador está amarrado. No entanto, a utilização da fita express necessita de ensinamentos práticos para ser utilizada com a máxima segurança e isso só é possível com a prática de escalada.

A sua votação: 
Average: 4.6 (27 votos)